25 julho 2018

Câmara Municipal deixa Estação Arqueológica ao abandono

A Estação Arqueológica do Cabeço do Vouga constitui o mais antigo e mais valioso património histórico situado no concelho de Águeda. O Presidente da CM de Águeda, Jorge Almeida, declarou à imprensa regional e nacional que a estação arqueológica está fechada devido aos sucessivos atos de vandalismo e que nem a vedação do espaço ou a colocação de câmaras de vigilância têm impedido os criminosos. Na mesma nota, Jorge Almeida refere que o temporal de 2013 destruiu a estrutura de proteção que cobria a área onde foram realizadas sucessivas escavações.


O temporal pode ser a causa, mas passados 5 anos não pode continuar a ser a justificação. O interior do Parque de Alta Vila também aguarda intervenção desde 2013. Infelizmente, assim como em Alta Vila, também a Estação Arqueológica viu crescer mato e ervas daninhas. A CM de Águeda pode não conseguir impedir o vandalismo, mas o desleixo é evidente e pode estar a destruir património. Águeda seria muito mais atrativa se durante o AgitÁgueda os turistas pudessem visitar esta e outras mais-valias do concelho.